17 DE ABRIL – A ÍNDIA DO GRANDE ESPÍRITO
Santos - O santo do dia

altCatarina Tekakwitha (1659-1682) – era filha de um chefe da tribo dos Mohawks nos Estados Unidos. O pai era pagão, e a mãe, cristã. Foram vitimados pela varíola, deixando-a órfã com 4 anos de idade.Quando vieram os missionários jesuítas para sua aldeia, ela com seus 18 anos entusiasmou-se pelo catolicismo, batizou-se com o nome de Catarina. Começou a perseguição dos familiares que não concordaram com essa atitude. Ela permaneceu firme, recusando mesmo o casamento com um jovem indígena. Fez voto de virgindade, coisa inédita entre os índios.

Crescendo os insultos e zombarias, o Pe. Lamberville convenceu-a de fugir com mais dois cristãos para a aldeia católica, a 300 kms. e já em território canadense. Bem recebida pelo pároco, foi catequista na comunidade. Cada vez mais enfraquecida e doentia, morreu santamente. Beatificada pelo Papa João Paulo II e canonizada pelo Papa Bento XVI.

 

Outros artigos